Santa Catarina brilha no Campeonato Brasileiro sub 13

A Seleção Catarinense sub-13 encerrou com sete medalhas no Campeonato Brasileiro esse fim de semana, em Campo Grande, MS. A equipe feminina se destacou conquistando o quinto lugar geral no naipe.

O ouro da seleção veio com a Ana Lia Soares (Associação Meio Oeste de Judô – Joaçaba), na categoria Pesado (-60kg). A prata foi conquistada pelo Welington Felipe Nunes dos Santos ( SKD – Itajaí), na categoria Ligeiro (31kg). Os bronzes vieram com os atletas Ana Luiza Gossenheimer Pradella (Fundação Municipal de Esportes/ACEJC), categoria meio-pesado (-52kg), Gabrielli Adriani Alves ( Associação Desportiva Instituto Estadual de Educação – Floripa), na categoria  Super- Ligeiro (-28kg), Renan Henrique Saft Cardoso (Associação do Judô do Extremo Oeste), categoria Super Pesado (+60kg), Alisson Leo de Souza ( SKD – Itajaí), categoria médio (-47kg) e Guilherme de Campos Coronetti (Academia Cuore de Judô), na categoria (-31kg). Além disso os atletas Luiz Henrique Freitas de Mello Rego (meio- pesado), Cláudio Henrique da Silva Teixeira (meio-médio), Gustavo Varela Nienchotter (leve), Jenifer de Lima Pereira (super- pesado), fizeram disputas pela medalha de bronze e ficaram na 5ª colocação em suas categorias.

Para o presidente da Federação Catarinense de Judô, Moises Gonzaga Penso, o resultado do estado é bastante positivo e fruto do trabalho realizado pelos técnicos.

“É uma categoria que esperávamos bons resultados, mostra a evolução do judô catarinense. Os técnicos do nosso estado estão fazendo um bom trabalho com a base, Santa Catarina tem um grande potencial”, comenta Moises.

O técnico Édson Lorenzett, que acompanhou a seleção, avalia a participação do estado muito bem.

“A competição tinha um nível técnico alto, nossos atletas estavam preparados. Além dos números de medalhas, fizemos várias disputas de bronze, que resultou no quinto lugar geral no feminino”, enfatiza Édson.

Na classificação geral no naipe masculino, São Paulo saiu na frente, seguido do Rio de Janeiro, Mato Grosso do Sul, Maranhão e Rio Grande do Norte.

No naipe feminino São Paulo também ocupou o lugar mais alto do pódio, em segundo, ficou Pernambuco; em terceiro, o Rio Grande do Sul; em quarto, o Rio de Janeiro; e Santa Catarina fechou o pódio, em quinto lugar.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*